Skip to main content

Lista de notícias

Conhece as Academias de Verão IPVC

O Instituto Politécnico de Viana do Castelo (IPVC) abre portas para receber duas academias de verão. De 4 a 9 de julho, 50 estudantes do ensino secundário e profissional, vão participar no IPVC Power Up, a academia de verão que vai proporcionar aos estudantes uma semana recheada de desafios e atividades práticas nas áreas da Educação, Artes e design, Ciências Agrárias, Tecnologia e Gestão, Saúde, Ciências Empresariais e Desporto e Lazer. Mas há mais: Já de 18 a 23 de julho, as portas do Politécnico de Viana do Castelo voltam a abrir-se a mais 20 estudantes do ensino secundário e profissional para participarem na IPVC Summer Week. Desta vez, a semana é dedicada ao Ambiente, ao Mar e à Água, onde não vão faltar atividades aliadas à transição digital e às artes. A participação dos estudantes é totalmente gratuita e vai proporcionar aos jovens o primeiro contacto com o ensino superior. O Politécnico de Viana do Castelo lançou o desafio e foram muitos os jovens do 9 ao 12º ano, de escolas secundárias e profissionais de todo o país, que aceitaram o repto para passar ao nível seguinte e ter uma primeira experiência na academia. A primeira academia de Verão,  IPVC Power Up, arranca já na próxima segunda-feira, 4 de julho, e prolonga-se até ao dia 9 de julho. Ao longo de uma semana os estudantes vão embarcar numa viagem pelas áreas da Educação, Artes e design, das Ciências Agrárias, da Tecnologia e Gestão, da Saúde, das Ciências Empresariais e Desporto e Lazer.  Ao todo são 50 os alunos provenientes dos distritos de Aveiro, Braga, Coimbra, Guarda, Leiria, Lisboa, Porto, Santarém, Setúbal, Viana do Castelo e Viseu que vão usufruir de uma experiência única que lhes vai proporcionar ainda o esclarecimento de diversas dúvidas no acesso ao ensino superior. O objetivo sublinha o presidente do IPVC, “é o de, ao longo de cinco dias de atividades, proporcionar a estes estudantes a possibilidade de aumentar o conhecimento sobre as várias áreas profissionais que o Politécnico de Viana do Castelo disponibiliza, os seus cursos e profissões a eles associadas, assim como o poder clarificar os caminhos e percursos que pretendem seguir. Trata-se de uma experiência importante uma vez que os jovens têm que tomar decisões muito cedo e muitas vezes não estão preparados para o fazer. Estas academias de verão vão ajudá-los a entender melhor e a clarificar quais os caminhos que podem prosseguir”. IPVC Summer Week. E de 18 a 23 de julho o IPVC volta a abrir portas desta vez para a Academia de Verão IPVC Summer Week. Uma academia recheada de experiências laboratoriais, atividades desportivas e desafios de trabalho em equipa, com foco especial nas áreas da Ciência, da Arte e da Tecnologia. Em conjunto com estudantes de todo o país, os participantes vão poder realizar atividades e experiências ligadas aos temas da água, da sustentabilidade e da energia. Ao longo de cinco dias de atividades práticas, os 20 estudantes vão experienciar como é estudar no ensino superior, contactando com estudantes, docentes e investigadores, tendo a oportunidade de conhecer in - loco a instituição. O objetivo é que os participantes possam também conhecer de perto vários cursos e profissões na área STEAM - Ciência, Tecnologia, Engenharia, Matemática e Artes. As academias de verão, organizadas em parceria com a Fórum Estudante, surgem no âmbito do BAITS – Business, Art, Innovation, Technology, Sustainability, financiado pelo Plano de Recuperação e Resiliência (PRR), da Blue Design Alliance (BDA), um consórcio entre instituições do ensino superior que tem como missão contribuir para a valorização da água, recursos oceânicos e fluviais e sustentabilidade social e ambiental através do design, centrando-se na produção de conhecimento, investigação e formação de competências ligadas à economia azul. As instituições da Aliança – Instituto Politécnico de Viana do Castelo (IPVC),  Escola Superior de Artes e Design (ESAD),  Instituto Politécnico de Bragança (IPB) e Escola Superior de Biotecnologia da Universidade Católica Portuguesa (ESB-UCP) – asseguram, através da BDA, uma formação ligada ao Design Azul e à economia circular, inclusiva e sustentável, com o  propósito de acelerar a requalificação do território, tornando-o mais resiliente através da criação de novos empregos e profissões azuis. Os caminhos de formação e investigação a desenvolver pela BDA integram-se no âmbito do “Impulso Jovens STEAM e do “Impulso Adultos” do Plano de Recuperação e Resiliência (PRR) que tem como objetivo “impulsionar a formação de jovens e adultos nos próximos cinco anos face aos desafios que emergem”. A Blue Design Alliance oferece quatro tipos de formação: Cursos Técnicos Superiores Profissionais (CTeSP) lecionados na ESAD, um Curso de Pós-Graduação com nove especializações que se expande pelas quatro instituições parceiras e ainda Cursos de Verão gratuitos e Cursos de Curta Duração. Todas as formações são orientadas para a prática e permitem seguir uma carreira profissional, onde a temática da água estará sempre presente, assim como o cuidado pelos ecossistemas dos rios, mares e oceanos.

IPVC destaca-se em 8 indicadores do U-Multirank

O Instituto Politécnico de Viana do Castelo (IPVC) está em evidência no U-Multirank, posicionando-se, em 2022, entre as melhores Instituições de Ensino Superior Portuguesas, alcançando a classificação máxima de “muito bom” em oito indicadores. O maior destaque vai para as categorias: internacionalização, envolvimento regional e investigação. A edição de 2022 da U-Multirank apresenta dados de 27 instituições do ensino superior português. O maior destaque do IPVC vai para a categoria do envolvimento regional onde consegue obter a classificação de Muito Bom em praticamente todos os itens, nomeadamente no número de graduados (nos diversos graus) a trabalhar na região assim como na produção de receitas de investigação externa - para além das subvenções centrais/recorrentes do governo ou das autoridades locais - que provém de fontes regionais (isto é, indústria, organizações privadas, entre outras). No âmbito da investigação o Politécnico de Viana do Castelo também se evidencia neste ranking essencialmente nos itens de publicações científicas e na componente da internacionalização pelo número de publicações conjuntas e mobilidades. Saber mais aqui: https://www.umultirank.org/university-performance-charts/polytechnic-institute-of-viana-do-castelo-rankings O que é o U-Multirank O U-Multirank é o maior ranking multidimensional que compara o desempenho de universidades nas diferentes atividades em que se encontram envolvidas. Este ranking avalia instituições de ensino superior nas seguintes dimensões: ensino e aprendizagem, investigação, transferência de conhecimento, internacionalização e envolvimento regional. Este ranking é financiado pela União Europeia e não produz uma classificação individual para cada instituição de ensino superior, nem tabelas classificativas. Este ranking avalia as universidades através da classificação de um conjunto de indicadores numa escala de “muito bom” a “fraco”.
Atualizado em 02/08/2022

Arquivo

Desculpe, não há resultados que correspondam à sua pesquisa.
Tente pesquisar um termo diferente ou use os filtros disponíveis para navegar.