Skip to main content

Lista de notícias

Trabalho de três anos apresentado na OCDE

A cimeira internacional é uma plataforma para estimular discussões e partilhar ideias e ações inovadoras, destinadas a transformar a Educação no século XXI. O Politécnico de Viana do Castelo conta com contributos de uma vasta expressão da sua comunidade, entre docentes e estudantes. O Politécnico de Viana do Castelo é a única instituição portuguesa a marcar presença na Cimeira da Criatividade na Educação, que acontece esta quinta e sexta-feira, na sede da OCDE, em Paris. Trata-se de um encontro que inclui educadores, docentes, decisores políticos, investigadores e empresários de todo o mundo. Organizada conjuntamente pelo Centro de Investigação e Inovação Educacional da OCDE (CERI) e pelo Instituto Global de Pensamento Criativo (GIoCT), esta cimeira internacional dedica-se a explorar as últimas tendências, abordagens e práticas em matéria de pensamento criativo e crítico nas instituições de ensino superior. Desde a sua criação, em 2019, a Cimeira da Criatividade na Educação tem sido uma plataforma para estimular discussões e partilhar ideias e ações inovadoras, destinadas a transformar a Educação no século XXI. A cimeira reúne um leque diversificado de intervenientes, que partilham um objetivo comum: promover a criatividade na e para a Educação. O Politécnico de Viana do Castelo será a única instituição nacional presente neste evento, no qual irá apresentar os resultados de três anos de um trabalho que envolveu 28 docentes, as suas Seis Escolas Superiores e mais de 1400 estudantes. Capacitação da comunidade académica, mudanças curriculares e pedagógicas e, ainda, a integração na rede da OCDE em matéria de intervenção pedagógica, elaboração de políticas, alterações curriculares e investigação. São estes os projetos do consórcio internacional. Tratou-se, afirma a pró-presidente do Politécnico de Viana do Castelo e representante do IPVC nesta cimeira, Ana Teresa Oliveira, de um projeto audacioso, mas “crucial para o desenvolvimento estratégico do IPVC”, cruzando-se com pilares fundamentais como o desenvolvimento profissional dos docentes, a inserção numa rede internacional de aprendizagem, a partilha de conhecimentos e o desenvolvimento de competências em matéria de pensamento crítico e criativo na comunidade académica. “Somos a terceira instituição com maior representatividade, o que espelha bem a envolvência de toda a comunidade do IPVC neste projeto”, aclara Ana Teresa Oliveira. “Desenvolvemos metodologias de trabalho com os nossos docentes, tendo sido experimentadas diferentes formas de desenvolver criatividade e pensamento crítico nos estudantes. Foram reformulados cursos e unidades curriculares, que podem ser eventualmente integradas em diferentes ofertas formativas do IPVC. Agora, a convite da ODCE, apresentamos o trabalho que desenvolvemos”, esclarece Ana Teresa Oliveira. E acrescenta: “Propomo-nos a apresentar a forma como organizamos e como fortalecemos a comunidade IPVC, através da capacitação, e como é que os docentes trabalham as suas unidades curriculares, vocacionando, em cada área, para o ensino da criatividade e do pensamento crítico nos estudantes”. O projeto envolve 25 instituições de ensino superior de todo o mundo, distribuídas por 13 países tão dispares como EUA, China, Reino Unido, Austrália ou Dinamarca. Trata-se de uma rede internacional bastante alargada de instituições de ensino superior que, ao longo deste período, trabalharam para agora apresentarem os seus contributos em matéria de criatividade e pensamento crítico. Com VÍDEO.  

Plano Estratégico | Temáticas Focus Group

No âmbito do Plano Estratégico 2024-2028, ainda se poderá inscrever para o focus group de forma a dar o seu contributo para o rumo do Politécnico de Viana do Castelo. Faça a sua inscrição AQUI Modelo focus group 30 min para convidado/a (caso exista); 30 min para questões a convidado/a; 10 min organização de mesas de trabalho/4 a 5 pessoas por mesa; 1h30 de trabalho de grupos; 30 min para dinamizadores compilarem resultados; 20 min para conclusões) AGENDA e temáticas propostas a debate e reflexão: - 27/11 tarde: ID&T (Responsável: Luís Paulo Rodrigues) Contratação de investigadores de carreira em full-time e em exclusividade; Gestão de Ciência - 29/11 tarde: RH-Pessoal docente/investigadores, técnico e operacional (Responsáveis: Luís Paulo Rodrigues, Paula Silva, Luís Ceia) Promoção na carreira; Progressão de carreiras através de mobilidade interna; Valorização das Pessoas; Contratação de coordenadores de área nos SAS - 30/11 tarde: Campus Sustentável e Inclusivo (Responsável: António Curado) Residências ou locais para viver - 05/12 tarde: Serviços de Suporte (Responsáveis: Ana Paula Vale, Paula Silva, Luís Ceia) Até 2028 eliminar o papel em todos os procedimentos/ impressos do IPVC; Implementação do processo aquisitivo dos SAS na ON-IPVC; Interligação do SASocial com ERP Primavera; Desenvolvimento plataforma SASocial - 06/12 tarde: Estudantes (Responsáveis: Ana Teresa Oliveira, Luís Ceia) Mentoria; Criar protocolos com empresas; Serviço de Psicologia - 07/12 manhã: Transição Digital - Smart Campus 5.0 Sistemas de Informação/Digitalização do IPVC (Responsável: Sara Paiva) - 12/12 tarde: Parcerias e relações com a comunidade (Responsável: Presidente do IPVC, Carlos Rodrigues) Publicação do Relatório de Sustentabilidade do IPVC; Cursos de Curta Duração - 13/12 tarde: Formação, Inovação Pedagógica, Flexibilização Curricular (Responsável: Ana Teresa Oliveira) Implementar modelos de tutoria e estudo autónomo em lugar de aulas normais - 14/12 tarde: Internacionalização (Responsável: Ana Paula Vale) - Outro eixo proposto Reorganização do tópico proposto; Traçar metas de comunicação/divulgação entre UO do IPVC
Atualizado em 07/12/2023

Arquivo

Desculpe, não há resultados que correspondam à sua pesquisa.
Tente pesquisar um termo diferente ou use os filtros disponíveis para navegar.